• Olá Visitante, se gosta do forum e pretende contribuir com um donativo para auxiliar nos encargos financeiros inerentes ao alojamento desta plataforma, pode encontrar mais informações sobre os várias formas disponíveis para o fazer no seguinte tópico: leia mais... O seu contributo é importante! Obrigado.

Gatos detestam banho? Cães devem comer ervas? Seis mitos sobre patudos

Lordelo

Sub-Administrador
Team GForum
Entrou
Ago 4, 2007
Mensagens
38,158
Gostos Recebidos
829
naom_638109cbed92d.jpg


Garantir uma alimentação equilibrada e de acordo com a idade e estilo de vida do animal, manter todos os cuidados e hábitos de higiene, e fazer visitas periódicas ao veterinário e 'check-ups'. Estes são aspetos comumente conhecidos por todos. Mas há futuros donos de animais de estimação pouco esclarecidos em relação a outros tópicos.






A pensar nisso, a Médis esclarece, em comunicado, seis mitos.





1- Quando um cão abana a cauda significa que está feliz


Sabia que os cães têm três maneiras diferentes de abanar a cauda e só uma indica que está feliz? Só quando abanam a cauda de forma natural, numa posição média, é que exprime alegria.


2- Quando os cães comem ervas é porque não estão bem do seu sistema digestivo


Quando ingerem ervas, a verdade é que alguns cães o fazem porque simplesmente gostam, sobretudo se estiverem frescas. Todavia, entre o mito e a verdade, caso se sintam nauseados, também podem recorrer a esta prática para purificar o estômago.


3- Os gatos precisam de beber leite e não gostam de água e de banhos


É verdade que os gatos devem beber leite nas primeiras semanas de vida, mas à medida que vão crescendo perdem a láctase, que é a enzima que degrada a lactose do leite, e o seu consumo até pode ser nocivo. No que se refere aos banhos, existem algumas exceções, dependendo a boa recetividade ao hábito e cuidados que têm desde as primeiras semanas de vida.





4- Cães e gatos não se dão bem


Aqui o hábito e a educação fazem toda a diferença na convivência entre cães e gatos e, na verdade, são os tutores os principais responsáveis deste mito prevalecer.


5- Os cães e gatos não conseguem distinguir cores


Segundo especialistas, na retina dos gatos e cães existem células especializadas, os fotorrecetores, que estão também responsáveis pela acuidade visual - capacidade de focar determinado objeto -, e, igualmente, pela distinção de cores. Existem, por isso, dois tipos de células fotorreceptores: os cones e os bastonetes. No caso dos cones, os cães e gatos têm apenas dois, tornando-os dicromáticos, o que significa que distinguem bem a cor azul, no entanto têm dificuldade em ver o verde, amarelo e vermelho, à semelhança do que acontece com os daltónicos.


6- Ter um gato preto dá azar


Trata-se apenas de uma superstição, uma vez que a cor do pelo quer seja de um gato ou de um cão, não tem qualquer influência no comportamento do animal e muito menos na vida do humano que o acompanha. A cor do pelo de um animal não deve nunca ser motivo de exclusão na hora de adotar.

IN:NM
 
Topo